“Big boobs” é encontrado num código fonte da Microsoft

Big Boobs da Microsoft

Microsoft removeu um pedaço de código identificado como “big boobs” a partir de um pedaço de seu software.

A seqüência de caracteres hexadecimal ‘0xB16B00B5’ foi encontrada escondida em um código que é executado toda vez que um programa do Microsoft inicia uma versão virtual do Linux.1624.2853-Big-Boobs-Microsoft

A BBC relata que ele veio à tona em uma lista de discussão para desenvolvedores Linux, onde hackers dizem que  “Alguém estava tentando ser engraçado, eu acho.”

Microsoft tomou conhecimento da descoberta e rapidamente emitiu um comunicado pedindo desculpas, dizendo: “. Queremos agradecer à comunidade por relatar esse problema e pedir desculpas pelo código ofensivo”

A gigante do software, em seguida, emitiu um patch que corrigiu a sequência .

Nem todos os desenvolvedores de software estavam satisfeitos com o pedido de desculpas, no entanto, com o Dr. Matthew Garret argumentando que “Esse gesto não intencionado com os seios contribui para a Nunca brinque com peitos sem a permissão do seu chefe!impressão contínua que o desenvolvimento de software é um clube de meninos, onde meninas não são bem-vindas”.

Garrett também sugeriu que o patch pode não ser a correção definitiva tudo que a Microsoft pensa que está, anotando em seu blog: “É especialmente irritante neste caso, porque Azure (serviço de nuvem da Microsoft) pode depender essa sequência, mudando assim ele vai quebrar as coisas “.

Aposto que isso foi um estagiário passando (quando o programador tinha ido ao banheiro) e ficou brincando de programar e não apagou quando saiu.

Com isso amiguinhos, aprendemos hoje que brincar com peitos nunca é uma boa coisa.

Não brinque com peitos. Ame-os ou deixe-os em paz!